02 de março de 2024 - 23:28

Educação

06/11/2023 09:55

Cerca de 72% dos inscritos compareceram no primeiro dia de prova do Enem 2023

Participantes fizeram provas de linguagens e ciências humanas, além da redação. Aplicação do exame continuará no próximo domingo (12/10). Dados preliminares do balanço do primeiro dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2023), neste domingo (05/11), mostram que dos 3,9 milhões de inscritos no exame, 71,9% compareceram ao local de prova. A abstenção de 28,1% em 2023 é semelhante a do ano passado que foi de 28,3%.

Os dados foram divulgados em entrevista coletiva pelo ministro da Educação, Camilo Santana, e o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Manuel Palacios. Neste primeiro dia, os participantes fizeram provas de linguagens e ciências humanas, além da redação, com o tema “Desafios para o enfrentamento da invisibilidade do trabalho de cuidado realizado pela mulher no Brasil”.

O ministro da Educação, Camilo Santana, destacou que essa edição do Enem teve o resultado positivo de reverter a tendência de queda nas inscrições demonstrada nas últimas avaliações. “Esse ano conseguimos reverter um pouco a tendência que era decrescente das edições do Enem até o ano passado. Tivemos cerca de 500 mil inscritos a mais na comparação com 2022. Isso é um esforço também que o governo tem feito para retomar que nossos jovens realizem o Enem, realizem a esperança, a construção dos sonhos de fazer a universidade. Também foi a primeira vez que o Nordeste foi a região em que mais tivemos inscritos no Enem”, detalhou o ministro.

O presidente do Inep, Manuel Palacios, afirmou que o balanço deste primeiro dia de prova do Enem 2023 foi positivo. “É motivo de muita alegria para o Inep chegarmos ao final do primeiro dia de provas com um número pequeno de ocorrências e uma participação tão significativa”.

Neste domingo, 4.293 participantes foram eliminados por portar equipamento eletrônico, ausentar-se antes do horário permitido, utilizar impressos e não atender a orientações dos fiscais. Os motivos citados contrariam as regras do exame. Outros 905 participantes foram afetados por problemas de logísticos como emergências médicas, interrupções temporárias de energia elétrica e problemas com abastecimento de água.

Em relação à segurança do exame, o ministro Camilo Santana afirmou que a Polícia Federal realizou duas diligências neste domingo, uma em Pernambuco e outra no Distrito Federal, para apurar casos de divulgação de fotos de caderno de provas do Enem. “A polícia está engajada para identificar e fazer toda a investigação para a gente identificar essa divulgação dessas fotos após o início da aplicação das provas”, disse.

A aplicação do Enem continuará no próximo domingo (12/11), quando os participantes resolverão itens de ciências da natureza e matemática. O gabarito oficial e os Cadernos de Questões serão divulgados no portal do Inep até o dia 24 de novembro.

Enem – O Exame Nacional do Ensino Médio avalia o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica. Ao longo de mais de duas décadas de existência, o Enem se tornou a principal porta de entrada para a educação superior no Brasil, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e de iniciativas como o Programa Universidade para Todos (Prouni).

Instituições de ensino públicas e privadas utilizam o Enem para selecionar estudantes. Os resultados são utilizados como critério único ou complementar dos processos seletivos, além de servirem de parâmetro para acesso a auxílios governamentais, como o proporcionado pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Os resultados individuais do Enem também podem ser aproveitados nos processos seletivos de instituições portuguesas que possuem convênio com o Inep para aceitar as notas do exame.


Telefone para contato

(65) 3358-5258

© copyright 2018 Todos os direitos reservados.