04 de dezembro de 2021 - 01:06

Polícia

11/11/2021 06:29 Folhamax

"Disciplina do CV" matou jovem por estuprar a própria mãe e irmã, em VG

Foram presos nesta terça-feira (09), uma mulher, de 47 anos, e o filho, de 25 anos, acusados de envolvimento no desaparecimento e morte de Rian Leal Gonzaga, de 19 anos. O jovem teria sido punido com a morte pelo Comando Vermelho por estuprar a própria irmã.

Segundo informações a Polícia Militar, por meio do GAP (Grupo de Apoio) do 4º Batalhão, mãe e filho foram presos acusados de homicídio doloso, formação de quadrilha, posse irregular de arma de fogo e ocultação de cadáver. Por volta das 15h, as equipes do GAP receberam uma denúncia anônima sobre o suspeito que havia assassinado o jovem Rian Leal Gonzaga, e que estava desaparecido desde setembro.

O comunicante relatou ainda que o homem que praticou o crime seria integrante de uma organização criminosa e que o homicídio teria sido motivado por vingança. O denunciante contou que o suspeito estaria em um petshop, na Avenida Mato Grosso, no Mapim. 

Diante da denúncia, os policiais foram ao estabelecimento comercial e abordaram o homem, que acabou confessando o crime. Aos policiais, o suspeito disse que motivado por vingança planejou a morte de Rian.

No dia do crime ele enganou a vítima dizendo que queria ajuda dele para praticar um roubo a uma motocicleta na Passagem da Conceição, atraindo a vítima para uma emboscada. O homem relatou que levou a vítima para uma região de chácara e atirou nele com uma pistola calibre 7,65, em seguida, arrastou a vítima e ocultou o corpo do jovem.

Os policiais foram até o local onde o suspeito havia ocultado o cadáver e localizou a vítima, que já estava em avançado estado de decomposição. A arma de fogo foi apreendida na casa do suspeito. A mãe do homem que confessou o crime estava ciente que o filho havia escondido a pistola no local e também foi presa.  Mãe e filho foram encaminhados para a Polícia Judiciária Civil.

 

 


Telefone para contato

(65) 3358-5258

© copyright 2018 Todos os direitos reservados.